Loading...
Skip to content
Educação financeira

Confira como evitar excesso de gastos no Natal

Educação financeira - Imagem de calendário de dezembro de 2019 com o dia 26 circulado

A época é de confraternizações e festas, mas também de pensar no seu dinheiro. Ainda dá tempo de aproveitar as contribuições para seu plano de previdência complementar da Petros para pagar menos Imposto de Renda ou receber uma restituição maior em 2020.

Aplicações feitas ainda este ano em planos de contribuição definida (CD) e contribuição variável (CV) da Petros podem ser deduzidas até o limite de 12% da renda bruta tributável na declaração do Imposto de Renda do ano que vem – apenas para quem usa o modelo completo.

É preciso ficar atento, no entanto, ao prazo. Os participantes da Petros só têm até o dia 26/12 para emitir o boleto. E o pagamento precisa ser feito até o dia 30/12. Não deixe para a última hora, para não correr o risco de perder a oportunidade.

Para emitir o boleto, é preciso acessar a Área do Participante, aqui no Portal Petros, com matrícula e senha. No menu à esquerda, clicar em “Autoatendimento”, “Contribuição” e “Contribuição esporádica”. Depois de definir o valor, é só gerar o boleto.

As contribuições adicionais para previdência complementar são indicadas por especialistas em finanças como parte de um bom planejamento tributário. As pessoas que declaram o Imposto de Renda pelo modelo completo podem deduzir até 12% da renda bruta tributável da base do imposto na declaração.

Como isso funciona? Por exemplo, uma pessoa com uma renda bruta equivalente a R$ 100 mil pode deduzir R$ 12 mil da base de cálculo do imposto. Isso significa que a Receita Federal vai calcular o imposto dessa pessoa sobre uma renda de R$ 88 mil e não de R$ 100 mil. Assim, o imposto a ser pago será menor.

Como calcular quanto pagar na Petros

Para saber quanto é preciso contribuir a mais para aproveitar o máximo da vantagem tributária, a Petros preparou um simulador para os planos Petros-2 (PP-2) e para os planos instituídos, disponível na Área do Participante aqui no Portal.

Também é possível fazer a conta, calculando a renda total no ano, incluindo ganhos ocasionais, como aluguéis, e o quanto já foi destinado para previdência até agora, incluindo planos de outras entidades. É preciso ainda calcular os 12% da renda bruta tributável. O valor da contribuição esporádica necessária será a diferença entre o que foi pago para previdência e os 12%. Em caso de dúvidas, entre em contato com a Central de Relacionamento (0800 025 3545).

Além de usufruir de toda a vantagem tributária, quem faz a contribuição esporádica para o plano da Petros também aumenta o saldo de aposentadoria. Aproveite a oportunidade!

 

 

Leia também

Débito automático: novas regras para aumentar transparência ao cliente

Limite de juros para cheque especial começa a valer

Imposto de Renda: use seu plano de previdência para pagar menos

Confira como evitar excesso de gastos no Natal

Cheque especial: crédito fácil, mas a um preço alto

Confira os cuidados ao pedir um empréstimo consignado

Como economizar com medicamentos e evitar excessos na farmácia

Já pensou em trocar uma dívida mais cara por outra mais barata?

Saia das férias de julho com as finanças em dia

Como acompanhar o orçamento mensal

Você conhece a Calculadora do Cidadão?

Renda e despesa: você sabe identificá-las?

 

Fundação Petrobras de Seguridade Social - Petros - CNPJ 34.053.942/0001-50

 Rua do Ouvidor, 98, Centro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil CEP 20040-030

 Central de Relacionamento: 0800 025 35 45 (dias úteis das 8h às 19h)

 Envie um e-mail